phd thesis distributed generation do gmat essay scores matter phd thesis defense advice write master thesis dmitri shostakovich essay
Publicado em 21 Dezembro 2018

A Universidade de Gurupi foi avaliada com conceito 3 no Índice Geral de Cursos (IGC) divulgado pelo Ministério da Educação (MEC) e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O resultado é referente ao ano de 2017 e é considerado satisfatório, o que demonstra o crescimento da UnirG nos últimos anos na melhoria da qualidade do ensino.

 

0a97f761-8734-4a73-a46e-1ecfd1ad4d31O IGC é um indicador calculado anualmente que avalia as Instituições de Educação Superior, e considera seguintes aspectos: média do Conceito Preliminar de Curso (CPC) do último triênio; média dos conceitos de avaliação dos programas de pós-graduação stricto sensu e ainda a distribuição dos estudantes entre os diferentes níveis de ensino, graduação ou pós-graduação.

 

Para a professora Drª Lady Sakay, que exerceu o cargo de reitora da Instituição nos últimos quatro anos, “o conceito 3 representa o reconhecimento do crescimento qualitativo da UnirG, principalmente com relação à elevação do percentual de qualificação dos professores, institucionalização de procedimentos acadêmicos, maior autonomia para os cursos e a melhoria da infraestrutura da IES. O engajamento dos acadêmicos no processo também foi  fundamental", frisou Sakay.

 

Conforme o presidente da Fundação UnirG, Thiago Benfica, esse é o resultado de um trabalho feito com planejamento estratégico voltado para a melhoria da Instituição. “Com os investimentos que temos realizado em estruturas físicas, como a retomada da obra do campus I, dentre outros, acreditamos que iremos melhorar ainda mais os serviços prestados. Temos muito orgulho de ver esse reconhecimento e nos motiva a continuar evoluindo cada vez mais”, destacou Benfica.

 

A atual reitora da UnirG, Ma. Sara Falcao relatou que “esse índice mostra em um instrumento a qualidade de todos os cursos que estamos oferecendo e nos diz o quanto estamos avançando. Isto é muito positivo no sentido de que estamos caminhando para um objetivo desejado em qualidade de ensino. Isto se dá por meio de todos os colaboradores que juntos têm trabalhado para termos uma Universidade de Excelência. Parabéns a todos os envolvidos na construção deste indicador”, afirmou.

 

O IGC e o CPC integram o Sistema Nacional de Avaliação do Ensino Superior (Sinaes) e classificam as instituições, cursos e estudantes universitários em uma escala de 1 a 5. Enquanto a nota máxima é 5, as notas 1 e 2 são consideradas "insuficientes".