term of sociology research paper on fear essay on conflict do college book reports term paper on ""best buy""
Publicado em 05 Dezembro 2018

Na manhã de hoje, 05, a Câmara de Vereadores de Gurupi concedeu uma Moção de Aplausos à Casa de Cultura da UnirG. A autoria do requerimento foi do vereador André Caixeta, que foi subscrito pelos demais membros da Casa de Leis.

 

1aMocaoAplausosSheyla“Tenho acompanhado de perto o desempenho dos colaboradores da Casa de Cultura, que têm feito um belíssimo trabalho em Gurupi. É um projeto que precisa ser reconhecido diante da sua relevância para a população”, justificou o vereador Caixeta.

 

A sessão foi acompanhada pela reitora da Universidade de Gurupi (UnirG), Drª Lady Sakay. “A Casa tem sido destaque em Gurupi e em todo o Estado na sua área de atuação, dando visibilidade à UnirG como uma incentivadora da cultura. É importante o reconhecimento dos vereadores da cidade em relação a qualidade das ações desenvolvidas e dos profissionais que lá atuam”, disse Sakay.

 

1aMocaoAplausosLadyPara a gestora Sheyla Carvalho, a homenagem faz jus ao compromisso de toda a equipe do órgão ao longo da sua história. “É um trabalho árduo, de um grupo altamente eficiente. Há quase oito anos estamos na gestão da Casa de Cultura, sempre com o apoio da Reitoria e da Fundação, e esperamos contribuir ainda mais com o desenvolvimento sociocultural da nossa cidade”, frisou Carvalho.

 

Adriana Rabelo é uma das docentes com maior tempo de serviço e é responsável pelas aulas de dança há quase 13 anos. “A dança é uma das modalidades com maior procura e, ao longo desses anos, tem crescido bastante, sendo uma referência na cidade. Procuramos ter um trabalho pautado na disciplina e no real aprendizado das alunas. A homenagem dos vereadores é gratificante, por vermos que nossa dedicação tem sido vista pela sociedade”, frisou.

 

A implantação do projeto Ciranda das Artes, com apoio do Grupo Madesil, a partir de 2012, foi importante para ampliar as ações. Desde então foram formadas a Orquestra Jovem de Cordas e as turmas de aulas de Artes Plásticas, que atendem crianças e adolescentes matriculados em escolas públicas.

 

Paula Cavalcante, representante do Grupo Madesil, também participou da sessão e destacou a importância do projeto. “São muitas pessoas atendidas a cada ano e vemos o belo resultado do que é feito pelos profissionais e alunos. Seria importante que outras empresas abraçassem esse projeto, plantando uma semente que dará bons resultados na vida de muitos alunos”, frisou.

 

1aMocaoAplausosEquipejpgUm dos professores do projeto é Henrique Viegas, que ministra aulas de Artes Plásticas há cinco anos. “O Ciranda das Artes é uma iniciativa que estimula o ensino e o aprendizado das artes em geral que, juntamente com a Casa de Cultura, desenvolvem um grande trabalho na nossa cidade. São ações que promovem a cultura, a educação, levando conhecimento e cidadania a todos. A Moção de Aplausos concedida pela Câmara é válida diante da importância desse trabalho”, ressaltou.

 

A solenidade também foi acompanhada por alunos e pais. Tatiane Carneiro da Silva, mãe da aluna de balllet, Tauane Pereira, presenciou o momento da homenagem. Ela diz que o ensino das artes é de grande importância para o desenvolvimento das crianças. “Minha filha estuda ballet há mais de dois anos. É uma atividade que promove uma ocupação saudável e percebo que até o comportamento dela melhorou. Sem dúvida é um projeto importante”, avaliou.

 

A Casa de Cultura foi fundada em 2003, pelo maestro Othonio Benvenuto. Atualmente conta com quase 500 alunos no projeto Ciranda das Artes e nas modalidades pagantes. As aulas oferecidas são de dança, artes plásticas e música (Orquestra Jovem de Cordas, Coral Tocanto, piano, teclado e flauta transversal).