rose for emily essay rutgers admission essay 2011 resume writing service ventura county divided city book report dna computing research paper
Publicado em 29 Janeiro 2018

Teve início na manhã de hoje, 29, e segue até a próxima quarta-feira, 31, a Semana de Avaliação 2017-2/ Planejamento 2018 dos cursos da UnirG. Professores, coordenadores de cursos, assessores educacionais e gestores estarão reunidos para discutir as ações positivas e negativas do ano que se findou, a fim de reconstruir novas ações para o ano que se inicia. A abertura oficial ocorreu no auditório do campus I.

 

2ladyNa oportunidade, a reitora da Instituição, Drª Lady Sakay, o presidente da Fundação UnirG, Thiago Benfica, a pró-reitora de graduação e extensão, Drª Marcilene Araujo e o pró-reitor de pós-graduação e pesquisa, Drº Marcos Gontijo, deram as boas-vindas aos presentes.

 

Segundo a reitora, o evento é uma ocasião importante para equalizar as informações do que será desenvolvido no semestre, além de apontar as prioridades para 2018. “Temos várias prioridades, mas creio que a mais importante será a transformação da Instituição em Universidade. Este ano, nosso foco maior será prezar pela melhoria e qualidade no ensino, a mudança no aspecto metodológico e aperfeiçoar o processo de avaliação para que possamos acompanhar ainda mais o aprendizado”, disse. 

 

Sakay acrescentou ainda que “estamos criando uma comissão para captação e permanência de1lady aluno, para trabalhar juntamente dentro de cada curso. Outra proposta será o acompanhar mais de perto o aluno que tem dificuldade no aprendizado, e ainda verificarmos qual disciplina reprova em massa. Pretendemos trazer alguns especialistas para discutir junto conosco qual o melhor modelo de implantação da universidade. Que sejam modelos flexíveis, porém que preze pela qualidade”. 

 

A professora destacou ainda que se percebe a cada ano a diminuição de processos administrativos. “Isso é resultado do trabalho da coordenação em ser mais efetiva junto aos alunos. A questão da perspectiva para a realização do concurso público também será um marco importante, porque o professor com contrato temporário complica muito e a mudança na carga-horária comum irá facilitar para que ele se dedique mais as atividades extra sala de aula. Estamos buscando mais pontos de estágios com o objetivo de ampliar a inserção do acadêmico na comunidade, melhorando a formação desse aluno”.

 

3thiagoThiago Benfica, ressaltou que a Fundação tem traçado com o Centro Universitário desde meados de outubro, estratégias que já estão sendo executadas na Instituição. “Estamos dando continuidade ao que já havia sido planejado há algum tempo. As expectativas são as melhores para 2018, os professores irão contar com uma nova ferramenta de sistema de tecnologia que irá agilizar e facilitar ainda mais o trabalho do servidor. Além disso, estamos com grande perspectiva da realização das obras do campus I e melhorias na infraestrutura do campus II”, completou o presidente.

 

Já a professora Marcilene Araujo apresentou o Artigo 16 da Resolução do Conselho Superior4publico (Consup) nº 061/2017, que visa regulamentar o regime de trabalho dos docentes, de acordo a realidade institucional. O professor Marcos Gontijo destacou os pontos fortes dos cursos da pós-graduação que estão em andamento. 

 

Durante os três dias de evento, a programação integra palestras, discussões e apresentação cultural. O evento tem como foco a reflexão, ação e resultados. Para desconstruir e quebrar paradigmas é necessário refletir e agir para avançar. Os resultados no ensino, aprendizado e a formação do profissional sempre serão a principal preocupação da Instituição.

 

Palestra

 

1laseiAinda pela manhã, a professora de Psicologia, Ma. Laslei Petrilli, ministrou uma palestra que abordou o “Ser Professor”. Ela falou da importância e dos desafios do professor em construir uma relação interpessoal na formação do aluno.

 

“Todos somos seres humanos, temos qualidades e defeitos e clamamos por entendimento e por amor. Ser professor é isso, ser humano dentro de cada área de sua atuação conforme suas caraterísticas para que possamos nos entender dentro dessa diversidade. Podemos tentar ensinar qualquer coisa para uma pessoa, mas se não respeitarmos o outro, ele irá se fechar para o aprendizado. A maneira como ensinamos é muito importante”, falou.

 

A Psicóloga disse também que um dos maiores desafios em ser professor na graduação é2laslei concorrer com a questão, talvez desleal, da informatização. “São alunos que estão desacostumados dessa relação humana, pois estão sendo criados nesse universo tecnológico. O nosso maior desafio talvez seja formar esse vínculo com o aluno, mostrando que existe um modelo de carne e osso que pode ser aproveitado, que pode interagir e sugar conhecimentos para estabelecer as respostas que ele precisa. Esse novo padrão, distancia o profissional das relações pessoais, que é muito importante para construção do ser humano”, finalizou.  

 

Programação 

 

A construção do planejamento estratégico da Fundação e Centro Universitário UnirG também serão debatidos. Os professores, coordenadores de cursos e de estágio, assessores e gestores de departamentos estarão participando da programação da tarde.

 

Clique aqui para obter outas informações sobre a Semana de Planejamento e Avaliação.